14 de fev de 2009

The Big Bang Theory

Pode-se dizer que The Big Bang Theory chegou em seu ápice de humor.

[Cuidado, pode haver spoilers para quem não viu 2x15]


Sem medo de dizer, o melhor capítulo da 2ª temporada,"The Maternal Capacitance", traz uma pessoa em especial, a mãe de Leonard, Dra. Beverly Hofstadter.


Pra quem não se lembra, em um capítulo do aniversário de Leonard, foi muito comentado que Beverly não tratava seu filho com nem um mínimo de carinho, deixando Leonard sem saber o que é uma festa de aniversário em sua infância.

Quando a mãe de Leonard apareceu nesse capítulo e começou a falar, já deu pra perceber que se tratava de um "Sheldon Feminino". Se ela fosse um pouco mais nova, arriscaria até um romance entre os dois, tal compatível era o clima quando estavam juntos.

A insensibilidade e o humor negro de Beverly deixa claro que é isso que dá o sucesso à série. Comentários sobre morte de parentes, atrativos sexuais e sintomas da menopausa podem até ser constrangedores e inconvenientes mas é o que faz todos darem boas risadas.

Um capítulo para rir do início ao fim. Era o que faltava em The Big Bang Theory a muito tempo. Eu não ria tanto desde "Sheldon's Smile".

The Bing Bang Theory deixa de ser uma série apenas para Geeks e Nerds e torna-se uma comédia de gosto popular.

2 comentários:

Daniel disse...

Sheldon's Smile .... KKKKKK
axo q nao teve nada tao engraçado na serie desde aquilo. muito bom o post.

Agrilla disse...

poxa, sera que sou geek ou nerd?
e agora?

LinkWithin