5 de out de 2009

Vamos Dar Uma Chance...

Tudo bem, mas uma série falando de médicos, envolvendo o serviço público de saúde nos EUA e, um paramédico com pinta de House (eu disse só pinta) com métodos nada ortodoxos e personagens combalidos por um acidente que mudou as suas vidas.

Talvez TRAUMA seja uma das boas estréias do FALL SEASON e não podemos cobrar da parte dos roteiristas nada mais do que já foi sua premiere. E o que foi? Dinâmico, fotográfico, de poucas palavras e muitas ações. Se formos comparar séries com outras teremos pequenas decepções. Que o digam THE VAMPIRES DIARIES e MELROSE PLACE...

É preciso paciência e aguardar o desenrolar da trama.

A personagem central, Rabbit (Cliff Curtis), não tem o carisma de grandes perfis de séries dramáticas, no entanto, é bom dar uma chance. Ele acaba sendo visto, como reponsável pelo acidente que tirou a vida de Terry, namorado de Nancy (Anastasia Griffith), até aqui, a personagem que sofre os maiores impactos com a perda.

Temos também Cameron (Derek Luke), que vive uma pequena crise no casamento, em meio a veladas "puladas de cerca" em meio ao trabalho...

O piloto foi absolutamente veloz o que não permitiu qualificar ou não o texto da série, mas, se as ações cinematográficas continuarem durante toda a temporada, temos pela frente mais uma grande série... SE...

No mais, boa trilha, boa fotografia (sobretudo nos momentos de ação) e um
PÉSSIMO FINAL... Sinceramente, não consigo acreditar que, esse papo de "eu não consigo dormir" em séries de TV, mudam de canal, mas não mudam de discurso. Impressionante!

Mesmo assim, convido o leitor do LpS a acompanhar a trama de Rabbit e seus amigos paramédicos em TRAUMA.

Nenhum comentário:

LinkWithin