16 de dez de 2009

Dexter 4x12 : Surpreendentemente Imprevisível

Dexter Morgan. Bom marido. Pai de três. Serial Killer.
[Não viu o 4x12 ? Corra! Aqui tem SPOILERS]


Seria capaz um serial killer amar e cuidar de sua familia guardando de todos o segredo mortal de ser um assassino?
Ao final de The Getaway se consegue uma só resposta. Não se pode mudar quem você realmente é.

Essa semana antes de ver o finale de Dexter, eu vi uma frase em uma outra série que se encaixa perfeitamente com tudo o que essa temporada quis deixar. "Não importa o que você faça, aqueles que você ama serão os que irão pagar."

Confira o que disse o produtor da série, Clyde Phillips em uma entrevista sobre o chocante final de Dexter :




Antes de tudo, esse episódio de Dexter foi perfeito. Assim como toda essa temporada. Se Michael C. Hall perder Golden Globe de novo, ou até mesmo a série não ser indicada, será a maior injustiça do mundo.


----------------------- Entrevista feita pelo colunista Ausiello -----------------------

  • Quando foi tomada a decisão de eliminar a Rita?
Clyde Phillips: Eu diria que nós tomamos essa decisão no final da temporada. Nós não sabíamos o que íamos fazer exatamente no season finale.

  • Por que a Rita?
Clyde Phillips: A história evolui e levou inevitavelmente a isso. Nessa temporada, nós sabíamos que tiraríamos o Trinity no último episódio, e achamos que os telespectadores sabiam também. Nós precisávamos chegar ao nível mais alto possível e depois pensar no que fazer no próximo ano.

  • Como a atriz reagiu a notícia que ela deixaria a série?
Clyde Phillips: Ela não ficou feliz. Ela adorava estar com a gente. E nós adorávamos ter ela. Ela encarou de forma profissional. Ela ficou bastante desapontada. Ela é profissional, trabalha na televisão, sabia que existia essa possibilidade.

  • A próxima temporada será focada no malabarismo que Dexter fará para ser um pai solteiro e um serial killer?
Clyde Phillips: Ele é um pai solteiro. Mas, não sabemos nada além disso. Não sabemos se terão mais histórias individuais ou histórias como a de Jimmy Smiths e John Lithgow, que chamamos de “big bad”.

  • Rita está morta?
Clyde Phillips: Sim

  • Trinity matou Rita?
Clyde Phillips: Sim, ele matou. É o que ele quis dizer quando falou: “Já está acabado”.

3 comentários:

Arthur Alter L. disse...

Oi Ricardo,
Estou te convidando pra visitar: http://toaquivocetambem.blogspot.com/2009/12/flash-mob-postagem-coletiva.html - conheça o blog do Jay e participe da postagem coletiva que vai rolar na blogosfera no próximo findi vao ser mais de 100 blogs falando tudo sobre música, e vc pode participar também. Se informe e participe com a gente e convide seus amigos pra participarem também vai ser mara.
Abraço

Adelson (TD Séries) disse...

Olá, J.J.!

O episódio foi mesmo fantástico! Que desfecho para esta temporada.

Bem interessante a entrevista do Clyde Phillips. A Rita não era uma de minhas personagens favoritas, mas a cena final foi chocante demais. Impossível tirá-la da cabeça, mesmo dois dias depois de assistir ao episódio.

Um abraço!

J.J. disse...

Tbm nao consigo tirar da cabeça Adelson. Foi muito forte, eu não esperava aquilo nunca na minha vida.

To em estado de choque até agora. ! XD

LinkWithin