22 de abr de 2009

Heroes - 3x24 " I Am Sylar "

" Por cada ser amaldiçoado com auto-consciência, permanece uma questão sem resposta: Quem sou eu ? "

O penúltimo capítulo da 3ª temporada de Heroes, revelou o que eu já suspeitava: Sylar tinha sentimentos e sonhos que foram embora assim que ele matou sua própria mãe, e foi isso que desencadeou toda sua história até chegarmos ao ponto de vê-lo a beira da loucura.

Nada de diferente para alguém que assassina sua própria mãe.

Confira o que houve de bom e de ruim no capítulo que teve como principal, o melhor personagem de Heroes.






Sylar
está tendo um sérios problemas de crise de identidade. Aparentemente, se ele ficar por muito tempo transmutado na forma de outra pessoa, o seu DNA acaba sendo mudado, podendo permanecer com ele, características de outra pessoa para sempre.

Para ajudar Sylar, Danko sugere que ele tenha uma "âncora" para salvá-lo quando estiver perdido, alguém ou alguma coisa para lembrar de quem ele realmente é. Então ele procura nos pertences de sua falecida mãe, Virginia Grey algo para lembrar-se.

E é aí que temos a certeza de que Sylar está em crise. Primeiro eu achava que ele estava imaginando estar conversando com a sua mãe, mas depois fica claro que era o próprio Sylar vestido de Virginia, conversando com ele mesmo. Uau .... aquilo foi mais insano do que as loucuras de Hurley em Lost.

Estaria Sylar a um passo da loucura? Será que o seu fim será se tornando um doido que não saberá nem sequer usar seus próprios poderes? Seria um fim muito trágico para alguém que nos trouxe tanta felicidade. xD

Enquanto isso, a dupla japonesa, Hiro e Ando se separa de Matt Parkman e seu filho, que querem apenas viver em paz, e vão atras do Predio 26 como sempre querendo salvar a humanidade, mas daquele jeito que já conhecemos.

E particularmente o Hiro ficou muito chato, tem inveja do Ando e acha que manda em tudo. Minhas esperanças com ele estão acabando, espero que o season finale dê uma salvação ao japa.

Ao tentar fugir da equipe de Danko, Micah topa com Sylar, e quando eu achei que era o fim para o menino abandonado, ele convence Sylar dizendo que poderia ajudá-lo com sua crise de identidade.

Mas Sylar entra em crise novamente e expulsa o Geek-Boy, e aí vem o extremo do inusitado, vemos uma lágrima escorrer dos olhos de Sylar. Realmente ele está com problemas.

Destaques :
  • Além da grande atuação de Zachary Quinto, nesse episódio tivemos a participação da grande atriz, Ellen Greene no papel de Virgínia Grey. Gosto muito dessa atriz desde os tempos de Pushing Daisies.

  • O prêmio de Pior Personagem dessa vez não será de Hiro nem de Ando e nem de Matt que também foram péssimos. Eis que Mohinder aperece no final com seu poder de narrar a série e fazer absolutamente nada. ¬¬

  • Pergunta: Será que com o novo poder, Sylar poderá desintegrar as pessoas com um estalar de dedos ? Se for assim esse é o fim da humanidade.

  • E aquele final ? Alguém poderia me explicar porque Sylar não morreu com uma faca enfiada na nuca ? Não seria assim o único fim para ele?
Nota para o Episódio: 8,5

8 comentários:

Larissa de Souza disse...

Eu axei o capitulo muito ruim. Será q foi soh eu ? Foi tudo tão vago e sem ação. "Enxendo linguiça" .... a unica coisa legal foi Sylar ter pego aquele poder de "desintegrar coisas?" tirando isso, nem o pobre d Hiro que vc esculaxou com ele, salvou o episodio.

Petter disse...

Não foi só você que achou o episódio ruim não Larissa, eu também achei esse episódio ridiculo e super chato.
Não vejo a hora dessa temporada de Heroes acabar para eu nunca mais ver essa série, ô coisa ruim, aff.

Daniel Junior disse...

Fim de festa (ruim), episódio chato, se não melhorar, a próxima temporada é a última.

Daniel Junior disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
J.J. disse...

Puxa ... axo que eu to doido ou entao um certo obcecado por Heroes., pq nao consegui axar esse episodio tao ruim assim.

Adelson (TD Séries) disse...

Olá, J.J.!

Para mim, este foi o melhor episódio desta temporada! Mas, isso não significa que ele tenha sido tão bom. Os outros é que foram ruins demais. risos

Mas, adoro ver Sylar em ação, e foi interessante ver um episódio focado nele. Poderiam ter feito mais, mas foi interessante ver Sylar como um Norman Bates dos tempos modernos.

Agora, a grande dúvida é: conseguirá Bryan Fuller trazer um final decente à temporada?

Um abraço!

Luiz Henrique disse...

O episodio foi rasoavel.. so falto mais ação agora.. as cenas de sylar com a ''mae'' dele foi mara...
Sylar para a presidencia..

Rick Braga disse...

Também não achei o episódio ruim não, inclusive os últimos cinco episódios de Heroes deram uma melhorada incrível.
Agora, a grande dúvida é: conseguirá Bryan Fuller trazer um final decente à temporada? [2]
Abraços.

LinkWithin